Erika Yamauti

Foto de perfil de Erika Yamauti, mulher de traços asiaticos, sorrindo com um blazer branco, no fundo colorido.

Jornalista, coordenadora de eventos e voluntária, ERIKA YAMAUTI é formada em Comunicação Social – Jornalismo pela Universidade São Judas com pós graduação em Marketing e Mídias Digitais pela Fundação Getúlio Vargas, com ampla experiência na coordenação de grandes eventos e no setor de comunicação institucional de projetos renomados. Desde 2004, é sócia fundadora da Asteya Comunicação e Eventos.

 

Considerada uma das principais lideranças jovens da comunidade nipo-brasileira em São Paulo/SP, Erika aplica valores da cultura japonesa em suas práticas profissionais, desenvolvendo estratégias para formação de equipes e lideranças e planejando estratégias de comunicação e mobilização online e offline.

 

O Amo Japão é um site que a jornalista Erika Yamauti mantém desde 2011, a partir de uma agenda criada em 2004 com os principais eventos da comunidade nipo-brasileira, organizada com o objetivo de divulgar a cultura japonesa no Brasil.

 

Como parte de seu projeto pessoal de visitar e conhecer os eventos e as entidades de cultura japonesa no Brasil, participou do Festival Bon Odori de Salvador, Festival do Japão do Rio Grande do Sul (Porto Alegre), Londrina Matsuri e 1º Festival do Japão do Mato Grosso do Sul, em Campo Grande/MS. Em 2020, antes da pandemia do Covid19, esteve no Festival do Japão em Minas (Belo Horizonte/MG), e tem a meta de conhecer todos os principais festivais de cultura japonesa do Brasil.

 

A sua atuação comunitária na comunidade iniciou-se em 1998, na Comissão de Jovens da Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa, da qual foi presidente em 2004, e teve como destaques o Centenário da Imigração Japonesa (2008), e recentemente os 110 Anos da Imigração Japonesa no Brasil, em 2018. 

 

Desde 2004 faz parte da Comissão Organizadora do Festival do Japão, promovido pela Federação das Associações de Províncias do Japão no Brasil (Kenren) e considerado o maior festival de cultura japonesa do mundo, que reuniu público de 192 mil visitantes em 2019, gerenciando a captação de recursos e comunicação do evento.

 

Em 2020 e 2021, por conta da pandemia, coordenou a comissão de Comunicação e Marketing do Movimento Água no Feijão, idealizado pela chef Telma Shiraishi, que levou mais de 100 mil refeições para a população vulnerável, além de coordenar o projeto pioneiro da GLITZY, ligado ao universo da moda, dentre outras iniciativas.