13 de novembro de 2020

Kenren reúne jovens e realiza com sucesso a live do Festival do Japão

Por Erika Yamauti

Um projeto que foi desafiador desde o início, e alcançou um excelente resultado. A LIVE do Festival do Japão teve grande sucesso de público e repercussão, com mais de 24 mil visualizações, e foi realizada no dia 07 de novembro, com uma programação diferente e criativa, que superou desafios, saiu do lugar comum e apresentou a cultura japonesa de uma forma original, com shows, atrações culturais, danças, gastronomia, artes marciais, desafios e interatividade.

A live foi realizada através do trabalho em conjunto entre os diretores do Kenren – Federação das Associações de Províncias do Japão no Brasil e dos jovens líderes das associações de províncias (kenjinkais). A ideia era falar de inovação, tecnologia e promover um amplo diálogo entre as gerações, privilegiando a mobilidade, e fazer algo diferente das outras lives que estão sendo apresentadas. Nesse quesito, a comissão realmente se superou!

“Parabéns a todos pelo excelente trabalho, profissionalismo, garra e dedicação incansável, com o propósito de levar ao nosso público um entretenimento de primeira qualidade! O início foi difícil, mas a medida que o projeto foi tomando forma, as opiniões foram se alinhando até chegar na beleza de trabalho que foi apresentado aos mais de 24 mil espectadores. Essa live foi diferente de todas as outras, prendeu a audiência do início ao fim, com quadros variados, uma transmissão profissional comparada aos melhores programas de entretenimento da mídia, e o resultado valeu a pena”, comenta Alfredo Ohmachi, presidente do Akita Kenjinkai e vice-presidente do Kenren.

Além da live, os jovens desenvolveram também um novo site, o 47 Cultural, portal permanente para promover a cultura das 47 províncias do Japão. O público pode acessar www.47cultural.com.br para conhecer a cultura típica das 47 províncias do Japão, com dicas de turismo, curiosidades, pratos típicos e informações sobre as províncias.

Programação original e surpreendente

Apresentada por Claudia Nakazato e Kendi Yamai, a live foi iniciada com as palavras de abertura do presidente do Kenren, Toshio Ichikawa e com uma autoridade de peso, o presidente da Aliança Parlamentar Japão-Brasil e Vice Primeiro-Ministro do Japão, Taro Aso.

Na programação de shows, o Wadan Taiko Ensemble & Yoohey Kaito abriu a noite, que teve outras atrações como o  “Encontro de Gerações”, com Joe Hirata e Enzo Zakimi cantando juntos pela primeira vez, além de apresentação do músico Yuzo Akahori com o shamisen, e da cantora Karen Ito com Takeshi Nishimura e Shinsuke Nakamori representando o Grupo Kagura do Brasil. A cantora japonesa Yoshimi Katayama cantou o chorinho brasileiro em alta velocidade e participou de um desafio “trava-língua” em português e japonês.

Além do portal 47 Cultural, outro lançamento exclusivo na live foi da Mauricio de Sousa Produções, que lançou o vídeo “Japão & Brasil, Laços de Amizade”, realizado em comemoração aos 125 anos de amizade Brasil-Japão, para reforçar esse sentimento de amizade entre os dois países.

No divertido quadro “Desvendando a Culinária Japonesa”, com os jovens apresentadores do GohanGo e a chef Telma Shiraishi, os participantes tiveram uma prova de sabores tradicionais japoneses, como doce (youkan), amargo (nigagori), salgado (shiokara) e azedo (umeboshi).

As áreas do Festival do Japão foram apresentadas na live, com blocos para a Área das Crianças, Gastronomia, Terceira Idade, Voluntários, Miss Nikkey, Akiba Cosplay e Cultural.

Outro momento muito aguardado foi a participação do cantor internacional Eden Kai (Yusuke Aizawa do Seriado da Netflix Terrace House Aloha State), diretamente do Havaí. E o especial de encerramento reuniu cantores tradicionais e conhecidos dos eventos nikkeis, que participam sempre do Festival do Japão: Edson Saito, Teddy Shigueyama, Renato Chibana, Pamela Ashihara, Angelaisa Toyota e Isadora Kataoka.

A live teve direção geral de Kendi Yamai e produção da Intervisual e pode ser acessada pelo www.youtube.com/festivaldojapao. O projeto conta com o patrocínio da Kikkoman, Daikin, Sakura Nakaya, Hirota Food Express, Shiseido e Komatsu.

“A minha experiência e da minha equipe em fazer programas de TV foram muito importantes para transformar as ideias em realidade. Outro desafio foi fazer algo diferente, mas que o público pudesse relacionar com o nosso Festival do Japão, e não com outro evento. O fato de estar na organização do Festival do Japão presencial há quase 20 anos ajudou muito nisso, pois conheço a essência e cada área do Festival. Me preocupei em fazer algo que todos os coordenadores de áreas e voluntários pudessem sentir orgulho quando assistissem”, finaliza Kendi Yamai.

Festival do Japão 2021

Ao longo de um processo de 23 anos de muito esforço e dedicação, o Festival do Japão tornou-se um megaevento tradicional, que faz parte do calendário oficial de eventos da cidade de São Paulo e do estado de São Paulo.

Em 2020, estava tudo programado para realizarmos a 23º edição do evento, porém devido à pandemia da Covid-19, o Festival foi adiado para o ano que vem (09, 10 e 11 de Julho de 2021). Certamente a LIVE do Festival do Japão preencheu um pouco desse espaço, com muitas novidades, atrações, shows e a beleza da cultura japonesa!

“A pandemia da Covid-19, e o isolamento social com lockdown, trouxeram inúmeras incertezas, com a suspensão do Festival do Japão 2020. Eu gosto da palavra crise, em japonês, kiki [危機], que encerra a filosofia de como encarar essa pandemia. O primeiro kanji é “problema”, o segundo é “oportunidade”, ou seja, para superar a crise devemos pensar nas oportunidades. Nós da Diretoria, em harmonia com os jovens líderes e muitos voluntários, planejamos e criamos essas oportunidades. O resultado superou a nossa expectativa e pudemos oferecer aos expectadores uma FJ Live diferente, com momentos de lazer, de cultura gastronômica, de cultura tradicional e moderna do Japão. E ainda, construímos o portal www.47cultural.com.br, das 47 associações. Obrigado a todos por assistirem essa Live!”, finaliza Toshio Ichikawa, presidente da Kenren – Federação das Associações de Províncias do Japão no Brasil.